Domingo, 11 de Janeiro de 2009

Poema de Janeiro

 

 

 

 

 

 

 

 

Esta viagem que somos não acaba
A maneira de sermos como estrada
uma rua inquieta, um caminho
como ave deserta sem ninho
planando no nada.

 

 

 

 

 

 

rio Nijer
 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

(obrigadinho a todos pelos votos de bom ano. Fica o meu perdão por continuar a prometer e a quebrar a mesma promessa de tratar bem deste blog... embora ache que a falta de método na minha assiduidade lhe dê um certo charme...)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por Tiago Bettencourt às 17:40
link do post | comentar | ver comentários (26) | favorito
|

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 20 seguidores

.pesquisar

Photobucket


Photobucket
Photobucket

Photobucket

.posts recentes

. QUANDO ME PEDIRAM UM VIDE...

. O senhor do lado

. ...

. "TIAGO NA TOCA e os poeta...

. Sobre a apatia:

. silêncio

. Somos numero 1!!

. Mais explicações ainda...

. Explicações

. NOVO ALBUM já em Pré-vend...

.arquivos

. Abril 2012

. Dezembro 2011

. Janeiro 2011

. Julho 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

.subscrever feeds